• Research

Moçambique: Não há justiça para as vítimas do conflito em Cabo Delgado, que matou já mais de 2 000 pessoas em três anos

, Index number: AFR 41/3187/2020

Três anos após o início dos combates na província de Cabo Delgado, em Moçambique, as vítimas do conflito, que resultou na morte de mais de 2 000 pessoas, não parecem estar mais próximas de conseguir justiça, verdade e reparação, salientou hoje a Amnistia Internacional. As autoridades continuam a não levar à justiça todos os suspeitos da autoria de crimes à luz do direito internacional e de violações de direitos humanos.

View report in Portuguese